Vós sois uma geração escolhida
um sacerdócio real, uma nação santa,
povo resgatado por Deus
para proclamar as suas maravilhas.

"; $cAlleluia2="

Vós sereis santos,
porque Eu sou santo, diz o Senhor.

"; $aMenu[1]=array("Hino",""); $aMenu[2]=array("Canto responsorial",""); $aMenu[3]=array("Leitura da Palavra de Deus",""); $aMenu[4]=array("Ladainha dos Santos",""); $aMenu[5]=array("Pai nosso",""); $aMenu[6]=array("Canto final",""); $aMenu[7]=array("A orao","../index.htm"); $aMenu[8]=array("Home page","../../index.html"); $aSez[1]=array("le_preghiere_dei_santi"); $aSez[2]=array("la_salvezza_appartiene"); $aSez[3]=array("=GetMemoria","=GetLettura","=GetCommento"); $aSez[4]=array("litanie_dei_santi"); $aSez[5]=array("pater"); $aSez[6]=array("=GetCantoFinale"); $nVociMenu=8; $cTempo="ORDINARIO"; $cPreghiera="santi"; $cSalmo=""; $cVersetti1=""; $cVersetti2=""; $cVersettiV="So Mateus 11,25-27"; $cLettura1=""; $cLettura2=""; $cLetturaV="Naquela ocasião, Jesus tomou a palavra e disse: Bendigo-te, ó Pai, Senhor do Céu e da Terra, porque escondeste estas coisas aos sábios e aos entendidos e as revelaste aos pequeninos. Sim, ó Pai, porque isso foi do teu agrado. Tudo me foi entregue por meu Pai; e ninguém conhece o Filho senão o Pai, como ninguém conhece o Pai senão o Filho e aquele a quem o Filho o quiser revelar."; $cMemoria="Festa da Virgem Maria do Monte Carmelo."; $cOmelia="Este trecho evangélico cita uma oração de Jesus ao Pai: “Eu Te louvo, Pai, Senhor do Céu e da Terra, porque escondeste estas coisas aos sábios e inteligentes e as revelaste aos pequeninos”. Jesus louva e agradece o Pai porque fez conhecer o Evangelho do Reino aos “pequeninos”. Ele tem diante de Si aquele pequeno grupo de homens e de mulheres que O seguem. Entre eles não se encontram muitos poderosos e inteligentes; na sua maior parte são pescadores, empregados de baixo nível ou, de qualquer modo, pessoas da classe baixa. Se alguma personalidade de relevo se aproximou de Jesus (estamos a pensar no sábio Nicodemos), foi porque lhe foi dito que deveria “renascer de novo”, voltar a ser “pequenino”, caso contrário não entraria no Reino do Céu. De facto, o Reino pertence só aos “pequeninos”. E “pequenino” é aquele que reconhece o próprio limite e a própria fragilidade, quem sente necessidade de Deus, quem O procura e entrega toda a sua existência a Ele. No entanto, o texto evangélico, não pretende desprezar os “sábios e os inteligentes”, com efeito, Jesus louva o Pai não porque tenha mantido escondido o mistério do Reino aos sábios, mas admoesta os que pensam à maneira dos doutores da Lei e dos fariseus, isto é, aqueles que estão empolados e cheios de si ao ponto de não terem necessidade de ninguém, sem sequer de Deus. Este sentimento de auto-suficiência não só afasta de Deus, mas facilmente traduz-se também em desprezo pelo próximo. Pelo contrário, o discípulo sabe que tudo vem de Deus e de Jesus que no-lo revelou. Dificilmente sentimo-nos como os sábios e os inteligentes de que Jesus fala. Somo-lo de maneira prática, sabedores dos nossos hábitos, dos preconceitos que já não nos fazem maravilhar de mais nada; tão inteligentes ao ponto de já não darmos ouvidos a ninguém e acreditarmos que podemos dispensar a ajuda do próximo. A fé é, antes de mais, o abandonar-se dos pequeninos que não entenderam tudo, mas que se sentem fortes porque amados e obedecem à Palavra de Jesus. Os pequeninos não são absolutamente aqueles que não compreendem ou que “acreditam em tudo”. Com efeito, só a confiança é que permite ver tudo o que, caso contrário, permanece invisível. Os sábios e os inteligentes têm olhos que não vêem, têm ouvidos e não ouvem. As palavras finais do trecho evangélico abrem o horizonte aos crentes de todos os tempos, entre os quais também nós. Todos podemos ser pequeninos: é o caminho da humildade o que, na realidade, nos torna deveras grandes. O Senhor escolheu-nos para que, apesar da nossa miséria, pudéssemos participar no grande sonho de Deus sobre o mundo, o de reunir todo os povos à Sua volta para que vivam no louvor ao Senhor e em paz entre si."; ?> ".$cTit_Salmo."

"); if (is_file($cFile)) { print utf8_encode(file_get_contents($cFile)); } else { print utf8_encode("Salmo non trovato : ".$cValore); } } return $function_ret; } //----------------------------------------------------------- function GetAlleluia() { $function_ret="";extract($GLOBALS); if ((strtoupper($cTempo)=="QUARESIMA") || (strtoupper($cTempo)=="SETTIMANA SANTA")) { $cAlleluia=$cAlleluia_2; } else { $cAlleluia=$cAlleluia_1; } $function_ret=$cAlleluia; return $function_ret; } //----------------------------------------------------------- function GetLettura() { $function_ret="";extract($GLOBALS); $cAlleluia=GetAlleluia(); print utf8_encode("

".$cTit_Lettura."

"); print utf8_encode("

".$cAlleluia."

"); print utf8_encode($cAlleluia1); print utf8_encode("

".$cAlleluia."

"); print utf8_encode("

".$cVersettiV."

"); print utf8_encode("

".$cLetturaV."

"); print utf8_encode("

 

"); print utf8_encode("

".$cAlleluia."

"); print utf8_encode($cAlleluia2); print utf8_encode("

".$cAlleluia."

"); return $function_ret; } //----------------------------------------------------------- function GetLettura1() { $function_ret="";extract($GLOBALS); print utf8_encode("

".$cTit_Lett_1."

"); print utf8_encode("

".$cVersetti1."

"); print utf8_encode("

".$cLettura1."

"); return $function_ret; } //----------------------------------------------------------- function GetLettura2() { $function_ret="";extract($GLOBALS); print utf8_encode("

".$cTit_Lett_2."

"); print utf8_encode("

".$cVersetti2."

"); print utf8_encode("

".$cLettura2."

"); return $function_ret; } //----------------------------------------------------------- function GetLetturaV() { $function_ret="";extract($GLOBALS); $cAlleluia=GetAlleluia(); print utf8_encode("

".$cTit_Lett_V."

"); print utf8_encode("

".$cAlleluia."

"); print utf8_encode($cAlleluia1); print utf8_encode("

".$cAlleluia."

"); print utf8_encode("

".$cVersettiV."

"); print utf8_encode("

".$cLetturaV."

"); print utf8_encode("

 

"); print utf8_encode("

".$cAlleluia."

"); print utf8_encode($cAlleluia2); print utf8_encode("

".$cAlleluia."

"); return $function_ret; } //----------------------------------------------------------- function GetMemoria() { $function_ret="";extract($GLOBALS); print utf8_encode("

".$cMemoria."


"); return $function_ret; } //----------------------------------------------------------- function GetOmelia() { $function_ret="";extract($GLOBALS); print utf8_encode("

".$cTit_Omelia."

"); print utf8_encode("

".$cOmelia."

"); return $function_ret; } //----------------------------------------------------------- function GetCommento() { $function_ret="";extract($GLOBALS); print utf8_encode("

".$cTit_Commento."

"); print utf8_encode("

".$cOmelia."

"); return $function_ret; } //----------------------------------------------------------- function GetCantoIniziale() { $function_ret="";extract($GLOBALS); if (strtoupper($cTempo)=="QUARESIMA") { $cCanto="inno_di_quaresima"; } else if (strtoupper($cTempo)=="SETTIMANA SANTA") { $cCanto="inno_di_quaresima"; } else { $cCanto="malgrado_la_pietra"; } GetCanto($cCanto); return $function_ret; } //----------------------------------------------------------- function GetCantoFinale() { $function_ret="";extract($GLOBALS); if (strtoupper($cTempo)=="QUARESIMA") { $cCanto="inno_di_quaresima"; } else if (strtoupper($cTempo)=="SETTIMANA SANTA") { $cCanto="inno_di_quaresima"; } else { $cCanto="sara_saldo"; } GetCanto($cCanto); return $function_ret; } //----------------------------------------------------------- function GetInvitatorio() { $function_ret="";extract($GLOBALS); $cFile=$DOCUMENT_ROOT."/".strtolower($cLingua)."/preghiera/testi/invitatorio.php"; include $cFile; return $function_ret; } //----------------------------------------------------------- function GetCanto($cCanto) { $function_ret="";extract($GLOBALS); if ($cCanto!="") { $cFile=$DOCUMENT_ROOT."/".strtolower($cLingua)."/preghiera/testi/".$cCanto.".htm"; if (is_file($cFile)) { print utf8_encode(file_get_contents($cFile)); } else { print utf8_encode("Canto non trovato : ".$cCanto); } } return $function_ret; } //----------------------------------------------------------- function GetCantoNew($cCanto) { $function_ret="";extract($GLOBALS); if ($cCanto!="") { $cFile=$DOCUMENT_ROOT."/".strtolower($cLingua)."/preghiera/testi/".$cCanto; if (is_file($cFile)) { print utf8_encode(file_get_contents($cFile)); } else { print utf8_encode("Canto non trovato : ".$cCanto); } } return $function_ret; } ?> <? echo $cTit_CSE;?> - <? echo $cTit_Preghiera;?>


"."\r\n"; } ?>
"; print ""; print "

"; print "".$cComando." "; print "

 

 

"; } ?>
"; if (isset($aSez[$nPagAtt][$x])) { $cComando=$aSez[$nPagAtt][$x]; if (substr($cComando,0,1)=="=") { eval(substr($cComando,1) . "();"); } else { GetCanto($cComando); } } print "


  pagina precedente"; $cValore=$aMenu[$nPagAtt+1][1]; if ($cValore=="") { $cValore="?nPag=".$nPagAtt+1; } print "pagina successiva"; ?>
<? echo $cTit_CSE;?> - <? echo $cTit_Preghiera;?>


"."\r\n"; } ?>
"; print ""; print "

"; print "".$cComando." "; print "

 

 

"; } ?>
"; if (isset($aSez[$nPagAtt][$x])) { $cComando=$aSez[$nPagAtt][$x]; if (substr($cComando,0,1)=="=") { eval(substr($cComando,1) . "();"); } else { GetCanto($cComando); } } print "


  pagina precedente"; $cValore=$aMenu[$nPagAtt+1][1]; if ($cValore=="") { $cValore="?nPag=".$nPagAtt+1; } print "pagina successiva"; ?>
A oração cada dia | Comunidade de Sant'Egidio

Riccardi Andrea: na web

Riccardi Andrea: em redes sociais

change language
você está em: home - oraÇÃo - a oração cada dia newsletterlink

Support the Community